Evento preparatório para conferência internacional discute matriz energética

Teve início na manhã desta segunda-feira (4) o segundo encontro preparatório para a Conferência Internacional Água e Energia: Novas Soluções...



Teve início na manhã desta segunda-feira (4) o segundo encontro preparatório para a Conferência Internacional Água e Energia: Novas Soluções Sustentáveis, a ser realizada entre os dias 27 e 29 de julho. Nesta semana, acadêmicos, profissionais de campo e lideranças do Sistema Confea/Crea debatem energia. No início de maio, o tema central foi água.



Durante a abertura do evento, o presidente do Confea, eng. civ. José Tadeu da Silva, explanou sobre a importância do presente evento, no sentido de alinhar os debates que integrarão a conferência do fim do mês. “Será uma oportunidade de conhecermos soluções de outros países. A sociedade só dá importância à energia quando acaba a bateria do celular ou computador e não há tomada próxima”, brincou. Para ele, é importante discutir as políticas públicas na área. “A atual crise por que o Brasil passa só tem uma solução: Engenharia e Agronomia. São as profissões que podem proporcionar soluções ao país, não há outro caminho”. Tadeu da Silva ressaltou que, no âmbito da Federação Mundial de Organizações de Engenheiros (Fmoi), o Brasil participa de um circuito de 115 países, que evolve as nações que têm as grandes soluções na área.

Potência energética do Brasil

Primeiro palestrante do dia, engenheiro civil e especialista em políticas públicas Cristiano Trein apresentou dados sobre a matriz energética brasileira, como os 145 mil megawatts de potência que o país tem instalados - em diversas fontes, mas com prioridade em renováveis. “O setor energético brasileiro é o mais importante da América Latina”, afirmou, acrescentando que o Brasil tem 130 mil km de linhas de transmissão que o conectam de Norte a Sul. Mais dados apresentados por Trein estão disponíveis em sua palestra – acesse.

“Nosso objetivo é dar suporte ao crescimento do país – tanto social como econômico – isso é importante no Brasil devido a nossas dimensões continentais”, comentou. “Temos complementaridade de climas entre as diferentes regiões do Brasil e até mesmo dentro da mesma região”, disse, explicando que esse é um fator que ajuda na potencialização da geração de energia. Trein desmitificou, ainda, o preconceito sobre termelétricas. “Quando se fala em energia térmica, vê-se uma vilã. Mas ela tem extrema importância para a segurança do sistema. Nós dependemos 30% de termeletricidade. Mas a biomassa, como matéria-prima para a termelétrica, chega a ser maior do que petróleo e carvão somados”, informou, antes de apresentar políticas públicas desenvolvidas na área.

Matriz energética

Detalhes sobre a matriz energética brasileria foram apresentados pelo pesquisador do Programa de Agroenergia da Embrapa José Dilcio Rocha, engenheiro químico e especialista em planejamento de sistemas energéticos. Segundo ele, a matriz do Brasil é extremamente renovável de uma forma que “nenhum país conseguiu”. Na ocasião, Rocha mostrou um infográfico sobre a interação entre água, energia e alimento. “É um tripé relacionado com sustentabilidade, que devemos estudar para saber como produzir mais e melhor, como conservar água”. Veja a palestra completa.

Segundo os dados apresentados por Rocha, 40% da energia produzida no país vem de fontes renováveis, como biomassa e eólica. “Nos outros países esse número varia entre 13 a 15%. Nos países desenvolvidos, não chega a 10%”. Em sua apresentação, Rocha mostrou um gráfico dos investimentos que os países fazem em fontes renováveis de energia. Os países que mais investem em energia solar e eólica são a China e o Japão. “O Japão é um grande investidor, e passou a investir mais ainda após o acidente de Fukushima”.

Energia solar fotovoltaica


Ao falar sobre energia solar fotovoltaica, o engenheiro eletricista e professor do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) Augusto Cesar Fialho apresentou as vantagens de se usar essa fonte de energia no país. “Se todo o potencial de geração de energia solar nas residências e comércios fosse aproveitado com sistemas fotovoltaicos, o Brasil produziria 283,5 milhões de MWh por ano. Esse volume seria suficiente para abastecer mais de duas vezes o atual consumo doméstico de eletricidade, que é de 124,8 milhões de MWh por ano.” Segundo o especialista, para que esse cenário se torne uma realidade, são necessárias políticas fiscais e de financiamento, investimentos, consolidação de uma cadeia produtiva, ampliação da realização de leilões específicos, ampliação da coleta de dados solarimétricos, incentivo à pesquisa e inovação tecnológicas, além de qualificação profissional.



A energia solar fotovoltaica, segundo Fialho, tem despontado no contexto mundial, tanto em termos de investimentos por parte de corporações privadas quanto pelo setor governamental. Essa fonte de energia também ganha destaque pelo potencial de geração de empregos nas áreas de projeto, montagem, manutenção, pesquisa, ensino e operação. Somente em 2015 foram gerados mais de 2.700 milhões de empregos no mundo, enquanto no campo de biocombustíveis foram 1.600 milhões. Mais dados e tendências sobre essa tecnologia podem ser conferidos na palestra.

Vantagens da energia solar fotovoltaica


A representante da Empresa Brasileira de Energia Solar (Ebes), Simone Caetano, relacionou os benefícios de se investir em energia solar fotovoltaica. Na esfera socioeconômica, essa fonte tem potencial para aquecer a economia atraindo nova cadeia produtiva ao Brasil. Já na esfera ambiental, as vantagens que merecem destaque, segundo a especialista, são: gerar energia limpa, renovável e sustentável, além de contribuir para metas de redução de emissões do país, não gerar ruídos nem emitir gases, líquidos ou sólidos durante a operação. Estrategicamente, a tecnologia permite ainda diversificar a matriz elétrica nacional, ampliar o uso de energias renováveis e reduzir perdas por transmissão e distribuição. Conheça projetos que têm sido desenvolvidos no Brasil.

COMENTÁRIOS

Nome

14136,1,14136:2002,1,16280,11,abastecimento,7,Abinee,2,ABNT,22,Abraceel,3,abradee,7,ação social,3,acidentes,9,ADASA,1,administração de condomínios,6,AES,2,água,28,Alston,1,ambiente interno,1,ANA,1,Anatel,5,Android,1,aneel,67,Angra,1,ANP,1,apagão,8,Aplicações,2,aplicativo,5,Apple,2,aquecedor solar,2,aquecimento,3,ar condicionado,3,arquitetura,4,ART,2,Asolar Energy,1,associações,3,assosindicos,29,assosindicos-df,25,aterramento,2,audiência pública,5,autoconsumo remoto,1,autogeração,4,autogeradores,2,automação,1,automóvel,6,autônomo,5,Baidu,2,bairro,1,banda-larga,6,bandeiras tarifárias,55,barrageiro,1,bateria,27,Belo Monte,9,bicicleta,2,biodiesel,2,bioenergia,5,biogás,1,biohacking,1,biomassa,5,biotecnologia,1,blog,4,blogueiros de brasília,7,BNDES,11,boletos,1,bom negócio,2,Bovespa,1,bricolagem,1,BRICS,2,burocracia,1,cabeamento estruturado,2,Cade,2,CAESB,3,calculadora,1,campanha,4,carnaval,1,carregador,6,carreira,15,carro elétrico,23,cartel,3,cartilha,5,carvão,2,catavento,2,CCEE,7,CEB,32,CELG,2,celular,11,células de combustível,1,centrais hidrelétricas,1,cesp,1,cftv,2,charge,3,chefe,1,China,9,chip,1,choque,4,choque elétrico,6,cidade inteligente,4,Ciência,8,Cinema,2,classe,1,CLDF,6,climatização,1,CO2,7,código de posturas,1,cogeração qualificada,1,coletores solares,1,combustíveis,4,comércio,2,computadores,4,comunicação,11,concessionárias,8,concurso público,1,condomínio,27,Condomínios,27,congresso,3,conjuntura,1,construção civil,3,consulta pública,7,consumo,77,conta,69,controle de acesso,1,convenção,1,convênios,1,convivência,5,CoP21,4,Copel,2,corrupção,7,CPFL,10,CREA,5,CREADF,4,crise,10,crise energética,12,crise hídrica,58,CSEM,2,cultura,4,currículo,5,cursos,22,custos,4,decreto,1,defesa civil,4,desabastecimento,2,descarga atmosférica,6,descarga elétrica,6,descargas elétricas,5,desmatamento,3,diesel,3,direito tributário,1,disjuntores,1,Dispositivo de Proteção contra Surtos,2,Dispositivo DR,2,distribuidora,15,Distrito Federal,7,dívida,4,Doe Sangue,1,DPS,2,drones,3,ecológico,2,economia,158,Edificações,7,Eduardo Braga,3,educação,12,eficiência energética,25,elétrica,11,eletricidade,46,eletricista,3,eletrobras,8,eletroeletônicos,1,Eletrolão,1,eletrônica,4,Eletros,1,elevadores,3,empreendedorismo,9,emprego,15,empreiteiras,2,Empresa de Pesquisa Energética,3,Empresas,4,Empresas abertas,1,Empresas brasileiras,1,Empresas estatais,1,endividamento,3,energia,88,energia elétrica,85,energia eólica,30,energia limpa,19,energia nuclear,4,energia renovável,32,energia solar,107,energia sustentável,13,energias alternativas,17,engenharia,28,ensino,6,entidades,1,entretenimento,1,eólica,16,EPE,6,escola,4,escolaridade,1,estágio,1,Estatais brasileiras,1,estatísticas,1,estatuto,1,evento,18,exposição,6,fábrica,7,facebook,2,falta de energia,9,família luz,1,feira,5,FGTS,4,Fiepa,1,finanças,4,financeiro,2,fios e cabos elétricos,11,fluorescentes,4,FMI,1,fontes renováveis,19,fotovoltaico,52,fraude,7,frente parlamentar,2,Funai,1,futuro,5,gás,8,gás natural,8,gasoduto,1,GDF,30,General Electric,1,gênero,1,geração compartilhada,1,geração de empregos,2,geração de energia,25,geração distribuída,8,geração eólica,18,geração solar,26,gerador,7,geradores a diesel,1,Gere sua energia,1,gestão,9,golpe,1,google,6,governo,67,greenpeace,2,greve,1,grupo gerador,1,habitíssimo,1,halógenas,3,heliotermia,4,heliotérmica,4,Hemocentro,1,hidrelétrica,20,hidrelétricas,27,hídrica,1,hidrometração,2,hidrômetro,1,história,3,HORÁRIO DE BRASÍLIA,6,HORÁRIO DE VERÃO,7,HORÁRIO DE VERÃO 2014/2015,2,hospital,1,HTTP/2,1,ibge,1,ICMS,9,idade,1,identificação,1,IDV,1,iluminação,24,imóveis,3,impeachment,2,impostos,12,inadimplência,3,incandescentes,4,individualização,1,indústria,18,inflação,3,informação,7,infraestrutura,7,Inmetro,1,inovação,66,inspeção,6,instalações,13,internet,34,investimentos,41,iPhone,1,irregularidades,5,Israel,1,ISSE 2016,1,Itaipu,7,Jirau,4,lâmpadas,12,laudo,7,laudo técnico,10,laudo termográfico,1,led,13,legislação,5,lei,18,leilão,12,licitação,3,light,3,linguagem de programação,2,linhas de transmissão,3,linux,1,literatura,2,lítio,1,livros,5,lixo,5,LUOS,5,luz,67,manutenção,14,marco civil,7,marketing,1,matriz elétrica,8,MDIC,1,megausinas,1,megawatts,1,MEI,1,Meio Ambiente,6,mercado,37,mercado de trabalho,7,mercado imobiliário,4,Mercosul,1,metrô-df,7,MG,2,Micro Empreendedor Individual,2,microgeração,26,microgeração de energia,28,microgeração distribuída,13,microsoft,5,microtorres eólicas,2,Minas Gerais,2,minigeração distribuída,4,Ministério de Minas e Energia,22,MMA,2,MME,14,mobilidade,1,Módulos Fotovoltaicos,4,monitoramento remoto,1,Montes Claros,1,mortes,3,motores a diesel,2,motores elétricos,1,MP,3,MTE,2,multinacional,2,museu,3,nanotecnologia,1,NBR,19,negócios,3,no-break,2,Normas,25,normativa,3,Norte de Minas,1,Novas tecnologias,2,NR-10,3,nuvem,2,onedrive,1,ONS,17,orelhões,1,outorga,1,painéis solares,29,painel fotovoltaico,41,palestra,7,para-raio,3,parecer técnico,1,Parque Tecnológico Itaipu,5,parques eólicos,8,pás de rotor,1,pátio,1,patrão,1,Pequenas empresas,2,perfil,1,pesquisa,25,petróleo,3,pilha,1,PL,21,placa fotovoltaica,26,planejamento,6,plano de privatização,4,plantas,2,plástico,1,PLS,5,pocel,1,política,7,poluição,5,portabilidade,7,Portugal,1,potabilidade,1,PPCUB,5,PPP,1,preço,4,Prefeitura de São Paulo,1,premiação,1,prevenção,3,primeira indústria de painéis,3,procel,3,professor,1,profissional habilitado,17,profissional liberal,7,Project Sunroof,1,projeto de lei,25,projetos na área,16,pronatec,1,proposta,7,Proteste,2,qualidade da água,1,QUANDO COMEÇA O HORÁRIO DE VERÃO,5,QUE HORAS SÃO,5,racionamento,9,rádio JK FM,1,raio,3,raios,5,recarga,1,reciclagem,4,rede inteligente,5,redes de smart grid,6,redes sociais,11,Reformas,10,registro profissional,4,regras,5,regras de convivência,5,reservatórios,16,resíduos,2,resolução,7,retrofit,1,revisão,1,revolução,2,RFID,1,risco de apagão,3,robôs voadores,1,rolamentos,1,salário,3,Santo Antônio,2,saúde,8,Sebrae,2,sedhab,1,segurança,30,seminário,1,Senai,3,Serviços,3,setor,4,setor elétrico,91,similares,1,síndico,15,Síndicos,20,sistema elétrico,5,smart grid,18,smartphone,6,sobrecarga,1,Socioeconomia,2,software,9,solar,26,Spotify,1,startup,2,stj,2,subsíndico,4,sustentabilidade,32,tarifa,92,TCDF,1,teatro,1,Técnicas,2,técnico,5,técnico de grau médio,10,técnicos industriais,15,tecnologia,41,tecnologia da informação,34,telecomunicações,16,telemedidores,2,temperatura,1,termelétrica,8,termografia,1,termologia,1,tesla,5,trânsito,1,transmissão de energia,6,tributação,7,turbina,4,turbina eólica,9,TV Digital,5,Ubuntu,1,UnB,6,União Européia,1,urbanismo,1,usina hidrelétrica,15,usina nuclear,2,usina solar,19,usinas eólicas,10,vento,1,video,6,videovigilância,1,vistoria,3,vizinho,3,voltagem,1,web,6,webinar,3,whatsapp,7,workshop,1,zelador,1,
ltr
item
apservtec: Evento preparatório para conferência internacional discute matriz energética
Evento preparatório para conferência internacional discute matriz energética
http://www.creadf.org.br/media/k2/items/cache/df4cd97cf0cf2297fa1c088ce3591f98_L.jpg
apservtec
http://servicos.atualidadepolitica.com.br/2016/07/evento-preparatorio-para-conferencia.html
http://servicos.atualidadepolitica.com.br/
http://servicos.atualidadepolitica.com.br/
http://servicos.atualidadepolitica.com.br/2016/07/evento-preparatorio-para-conferencia.html
true
104026982293760891
UTF-8
Carregar todos Post não encontrado Ver Todos Ler Mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGS POSTS Ver TUDO RELACIONADAS TÓPICO ARQUIVO BUSCAR TODOS A busca não retornou respostas Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora 1 minuto há $$1$$ minutos 1 hora há $$1$$ horas Ontem há $$1$$ dias há $$1$$ semanas há mais de 5 semanas Seguidores Seguir CONTEÚDO EXLUSIVO - COMPARTILHE PARA ACESSAR 1º Compartilhe em suas redes sociais para liberar 2º Clique no link compartilhado em sua rede social Copiar TUDO Selecionar TUDO Todos os códigos foram copiados Códigos/textos não copiados, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Sumário